frestas de luz

O "PLANETA LETRA", manual de intenções contínuas de Chacal, é o berço dos Ratos di VERSOS. ConsideraMOS então, nosso padrinho e linhagem.
Jovens, bem jovens estarão no CEP aniversariante, dia 29-08. O tanto que isso me alegra! O colégio PEDRO II, os amigos de todas as praias comemorando num luau de paredes escuras, um novo sol! Como sempre foi a direção do cep. Da minha presença anônima no passado à presença eventualmente espalhafotosa de hoje, só tenho a dizer que ali é um lugar que não tem e nem deverá ter endereço fixo. Vai aonde se faz visto. CEP, signo das melhores provocações nesse país de uniforme.
Nós queremos ir junto verbo-cepeando. Viver e aprender com a nossa belíssima desindentidade nas mãos!
Ao menestrel, com carinho! VAMOS VIVER!

para ratos e ratas, uma olhada na persiana da juju

Persianas elas,
quebradas em frestas
não contém o som.
deixam vazar com velocidade;
espionagem, inspiração, fulga certeira.
Quando a luz se apaga,
a lua me ascende.
Fujo gargalhada do cotidiano.
A alma despudorada se deixa musicar
blasfêmias de bem dormir.
Nenhum peso, nenhum peso
Cada rato pega seu pedaço
de atração nos cacos urbanos.
Do belo ao môco, transformando.
Ritual prápular!
Cada som abriga as palavras imagens escolhidas por nossa vira-ratice, vira-ratice, vira-ratice...
Organizamos nossas próximas fugas
pelos becos do mundo!
Música, mú.....sica!

Maristela Trindade

Um comentário:

Juju Hollanda disse...

Maravilhoso, RATONAAAAAAAAA!!!!

Amo-TE!

Bjos
:***
Juju